sexta-feira, 27 de abril de 2007

Audi

Links para esta postagem
O posicionamento da Audi é muito claro: aliar vários quesitos num mesmo carro - e a comunicação que eles fazem para dizer que seus carros têm esportividade, segurança e conforto é quase sempre realizada com bastante competência.

Eu separei uma ação muito interesante para exemplificar esse posicionamento. Feita num cinema, algumas poltronas foram substiuídas por bancos de um Audi. Quem teve a sensação de sentar-se nessas poltronas deve ter sentido como é, aproximadamente, guiar um luxuoso carro da marca.


No filme, extremamente simples por sinal, também nota-se a nitidez desse posicionamento.


terça-feira, 24 de abril de 2007

Nada se cria | 10

Links para esta postagem



















Ora, ora, o que temos aqui? Seria mais uma pérola do mundo onde as coisas são bem parecidas, eu diria até "inspiradoras"?

Quando o assunto é falar de segurança de rede, parece que nada é mais óbvio do que colocar a foto dos invasores, mesmo que eles se apresentem como "inocentes" crianças desprovidas de perigo.

No anúncio da esquerda, que foi criado pela Devarrieuxvvillaret para a Bull, está escrito: "Você não tem MEDO desse jovem. Mas DEVIA ter."

E no anúncio da direita, criado pela DPTO. para a Network lê-se: "Quem diria que uma pessoa tão indefesa poderia ser uma destruidora de redes?
Ok, a gente diria."

Fonte: DPTO

segunda-feira, 23 de abril de 2007

Isso é uma guerra, e nós somos os soldados.

Links para esta postagem

A convite dos colegas blogueiros Alex Gonçalves (Publiloucos) e Gabriel Jacob (Adivertido 2007), irei contribuir semanalmente com minha opinião e análise num novo blog sobre comunicação - o Bloguerreiros.

Neste campo de batalha, recebi a missão de fazer exatamente o que faço por aqui - nesse singelo e aconchegante sanatório de loucos e as vezes incompreendidos publicitários - irei escrever sobre propaganda, conceito, publicidade, conceito, marketing, conceito, guerrilha, conceito e... Eu já disse conceito?

Bom, basicamente é isso. Quero apenas convidá-los a passearem por lá também, lendo as atualidades e curiosidades do que está acontecendo por aí. Pode ser que você goste, pode ser que não, mas uma coisa eu garanto: você encontrará gente que sabe o que falando.

domingo, 22 de abril de 2007

www.louconaopublicitario.com

Links para esta postagem
Como sempre acontece com as pessoas, coisas, animais, a mudança é algo que jamais poderemos fugir, é quase um carma. As vezes, nem importa muito as circunstâncias, até porque o novo faz parte do nosso instinto. E hoje estamos mudando, o nosso singelo manicômio tem novo endereço - depois de 14 meses (sem pagar o aluguel) deixamos de ser http://louconaopublicitario.blogspot.com para virar www.louconaopublicitario.com. E como sempre acontece em qualquer mudança, precisa-se de um tempo para nos adaptarmos a nova casa. É coisa rápida, só pra gente tirar o pó, pintar as paredes e organizar os móveis.
Por enquanto, o endereço de correspondência continua o mesmo: lucianomarino@terra.com.br
Um forte abraço a todos!
Luciano Marino

terça-feira, 17 de abril de 2007

Câncer de mama

Links para esta postagem
Esses anúncios All Type são mesmo um barato. Vejam essa bela peça publicitária da Fashion Targets Breast Cancer para conscientizar as mulheres sobre a importância do auto exame.


Eu nunca lembro ( )
Eu faço o auto-exame ( ) ( )


Recordei de outro anúncio nessa linha muito pertinente também, era tão simples que posso reproduzi-lo aqui.

Adivinhe qual dos compactos abaixo tem o maior espaço interno:

( )Corsa

( ) Palio
( ) Fiesta

( ) Clio

(---) Fox

segunda-feira, 16 de abril de 2007

Espelho mágico

Links para esta postagem
Mídias alternativas são sempre um barato para quem vê de fora - seja como mero consumidor ou como analista de tendências. Mas as vezes, para uma enorme quantidade de produtos, mídias muito elaboradas acabam sendo totalmente dispensáveis. E olha que é complicadíssimo explicar isso ao cara que tenta te empurrar guela a baixo aquelas mídias bizarras. Já vivi isso na pele inúmeras vezes, e acredito que quem trabalha em departamentos de marketing saibam exatamente o que estou falando.

Porém, como estamos num lugar que comenta várias formas de publicidade e suas particularidades, não poderia deixar de expor aqui essa novidade no mundo do "Anuncie aqui".

Criada por uma empresa americana chamada Magic Display, essa curiosa mídia funciona também como espelho, e vice-versa - o vídeo a seguir exemplifica bem isso.



Eu gostei até certo ponto, já que não entendi direito como a pessoa lê o anúncio com conforto, uma vez que sempre que estiver em frente a peça publicitária ela some para dar lugar ao espelho.

De qualquer forma, é uma mídia que abre boas oportunidades para idéias bem originais, explorando exatamente esse ponto que eu ressaltei.

domingo, 15 de abril de 2007

Run Golf, Run!

Links para esta postagem
Quando vi esse comercial do Volkswagen Golf pela primeira vez, inevitavelmente me veio a memória o famoso filme da FEDEX. Ambos os comerciais são muito parecidos em gênero, número e grau, já que as produções envolvem Tom Hanks (ou pelo menos, a figura dele), e baseiam-se em trechos de dois de seus grandes filmes - Forrest Gump, o contador de histórias e Náufrago. Nem diria que é um forte candidato a mais uma daquelas chupadas clássicas, mas é no mínimo, muito curioso.

Vídeo do Volkswagen Golf, referindo-se ao filme "Forest Gump, o contador de histórias"


Vídeo da FEDEX, referindo-se ao filme "Náufrago"

sexta-feira, 13 de abril de 2007

Nada se cria | 9

Links para esta postagem
Ok, ok, mais uma daquelas comparações inevitáveis. Será que é mera coincidência ou rolou uma "chupinzada"? (O neologismo é uma homenagem ao meu ex-professor de física do colegial).

Nessa primeira peça, da CG Titan, a agência que assina é a renomada DM9, e a peça do Toyota Landcruiser saiu da cachola dos caras da Saatchi & Saatchi.


Blablabla blablablabla, blablabla blabla.
Não adianta ficar explicando. Você vai comprar por emoção mesmo.
(os textos que explicam cada parte da moto são formados por "blablablas")


Blah blah blah blah blah.
Toyota Landcruiser. Bushdriver 4wd of the year. Enough said.

Bla bla bla bla bla.
Toyota Landcruiser. O bushdriver 4 x 4 do ano. Não é preciso dizer mais nada.
(os textos que explicam cada parte do veículo são formados por blablablas)

Fonte: DPTO

quinta-feira, 12 de abril de 2007

Barcelona e UNICEF, mais que uma parceira

Links para esta postagem
Um clube que orgulha-se de jamais, em toda sua gloriosa história de 108 anos, ter estampado uma marca de patrocinador na camisa. Um clube que é bancado por mais de 100 mil sócios apaixonadíssimos pelas suas cores, história e tradição. Um dos pouquíssimos clubes que tem torcedores nos cinco continentes. Muito resumidamente, este é o Barcelona, e eu poderia ficar falando sobre curiosidades desse time por horas, mas prefiro compartilhar com vocês uma parceria que chamou a atenção do mundo.

No início dessa temporada 2006/2007, o presidente do clube, Joan Laporta, assinou uma parceria com o Fundo das Nações Unidas para Infância - UNICEF. Nesse acordo, um dos pontos mais curiosos foi a inserção do logotipo do UNICEF num dos espaços publicitários mais cobiçados no milhonário mundo esportivo - a camisa do Barcelona. É como se o clube tivesse revertido toda a preservação do manto sagrado em prol de uma causa social importantíssima. Pra quem não sabe, todos no clube sempre falaram abertamente que nada pode "manchar" o manto sagrado.

O Barcelona alegou que tratava-se de um logotipo de prestigio e não uma marca publicitária. Eu lembro de uma frase marcante do presidente do clube na época: "Para nós, significa conquistar a Copa dos Campeões na escala social". Na verdade, sendo bem sincero, achei formidável a iniciativa, mas também não me iludi com isso. É apenas uma forma que o clube encontrou para fortalecer ainda mais a sua marca, vender mais camisetas e agariar mais sócios. O dinheiro investido pelo clube é descontado em seu imposto de renda.

A seguir, dois impressos e o filme da campanha.





terça-feira, 10 de abril de 2007

BZZ e seus outdoors interativos

Links para esta postagem
Quando você anuncia sua própria agência numa campanha publicitária, o mínimo que deve-se fazer é ser criativo. Caso contrário, você acaba caindo naquele velho e oportuno ditado: "Casa de ferreiro, espeto de pau". E foi exatamente isso que a BZZ fez, inovou nesses painéis um tanto quanto interativos.




Fonte: Aletp

segunda-feira, 9 de abril de 2007

Rolex

Links para esta postagem

Esse é um daqueles belíssimos exemplos de anúncios All Type bem executados. Uma chamada coesa, uma comunicação coerente e o principal, um conceito por trás. Muitas vezes, aliar isso em meia dúzia de palavras é o que define claramente os bons, dos maus comunicadores.
Importado do nosso novo parceiro: Malucom

quarta-feira, 4 de abril de 2007

Cerveja Guinnes, Hands

Links para esta postagem
Antes de mais nada - APENAS NA MINHA HUMILDE OPINIÃO - esse filme da cerveja Guinnes não é nada demais. Digo isso porque já vi alguns comentários elevando esse comercial a um ponto que considerei um tanto exagerado.

Talvez ele chame a atenção pela bela técnica de stop motion chamada Pixalition, ou talvez pelo fato da produção ter sido incrivelmente barata. Mas quando assisti pela priveira vez, juro que torci para os intermináveis 60 segundos terminassem o mais rápido possível. O filme é chato, da sono e não empolga em nada. Apenas relembrando, é um ponto de vista, pode ser que eu nem seja o público dos caras, mas já me previno, antes que algum fã maluco do Michael Schlingmann me sacrifique por e-mail.

Mesmo assim, aos que tiverem paciência, basta dar o play a seguir para dizer se concondam ou não com o que eu disse. Se não concordarem, fiquem a vontade para conferir os detalhes desse produção no site http://www.guinnesshands.com

segunda-feira, 2 de abril de 2007

O desafio é a energia da Petrobrás

Links para esta postagem


Como é que é? Eu ouvi bem? "A natureza é fonte inesgotável de energia?!" Como assim? Será que a turminha da Duda Propaganda não está devidamente ligada ao mundo em que vivem? E quem bate o martelo para que um filme desses vá ao ar, será que não sabe da responsabilidade que tem? Como uma coisa dessa ainda pode acontecer? Então vamos aos porquês.

Primeiro, a natureza é sim, fonte esgotável de energia (ponto). Até o astro rei está dando sinais que abandonará o barco. Segundo o que a Nasa divulgou semana passada, imagens capturadas pela sonda Hinode e pelo telescópio Hubble deixaram os cientistas atônitos. Motivo: a atmosfera solar é ainda mais turbulenta do que se imaginava. São explosões gigantescas de puro fogo que criam ventos solares, causando danos na comunicação via satélite com a Terra. Mais: a cada segundo, o Sol emana parte do seu calor e com isso chega cada vez mais próximo do seu resfriamento. Grave: aproxima-se do seu fim. Com as novas pesquisas, os cientistas já sentenciaram: o futuro será sombrio. O astro rei morrerá. (ver aqui matéria na íntegra)

Além disso, todo mundo já percebeu que por onde andamos, lemos, comemos e respiramos há um apelo fortíssimo contra a extinção dos recursos naturais do planeta. Eu canso de dizer aqui que boa parcela da humanidade tem uma dificuldade extraordinária de entender que depende de cada um a preservação disso tudo. Daí minha indignação quando vejo um filme que se mostra
completamente alheio à uma preocupação mundial.

Mais uma vez bato na mesma tecla: não basta ser bonitinho, cheio de efeito visual, com um super áudio e repleto de emoção. Propaganda deve apresentar conceito, ética e um pouquinho de respeito que seja.

domingo, 1 de abril de 2007

Sexo verbal

Links para esta postagem
Uma coisa muito comentada é até onde o sexo é pertinente dentro da propaganda. Não quero ser moralista a ponto de dizer que isso é um absurdo, até porque ninguém é cego sobre a influência do sexo nessa nossa sociedade industrializada. Também não gosto de pensar como um liberal inoportuno, que arruma um jeito de botar um par de seios em tudo que é idéia. Sempre gosto do equilíbrio, muito equilíbrio. E nesse caso a seguir, acho que o uso de imagens fortes tem um belo motivo, só me preocupo com a banalização do corpo feminino.


Essa idéia, criada e veiculada na Alemanha, foi obra da agência Jung von Matt para a fundação de um ex-tenista que luta contra a contaminação do vírus HIV em crianças. Na chamada, lê-se: “Sexo oral: apenas 0,003 milímetros de látex dividem a vida e a morte”. É sem dúvidas alguma um apelo fortíssimo, mas como eu disse, vale a pena por tudo que está em jogo - afinal, uma criança que nem veio ao mundo não deveria pagar tão caro pelo erro dos pais.


Nessa outra peça da mesma campanha, o título vem da seguinte forma: “Queixo do vovô, olho do papai, HIV da mamãe”.


E nessa terceira imagem, o rodapé explica que o HIV pode vir junto ao leite materno.

Bueiros de Beijing

Links para esta postagem

Essa é uma excelente campanha realizada pela prefeitura de Beijing, na China, para tentar diminuir o furto de tampas de bueiros da cidade.

Segundo os dados daquele país, aproximadamente 50 pessoas morrem e 10 mil ficam feridas todos os anos em conseqüência de acidentes em bueiros destampados. O motivo? Os constantes furtos das tampas de metal para serem revendidos a pouco mais de 3 reais.

Baseado nisso, a agência Ogilvy-Mather Advertising, de Bejing, criou essa bela campanha com o slogan: "Quantas vidas custam U$ 1.25?"