segunda-feira, 31 de março de 2008

8 frames por segundo

Links para esta postagem


Para falar dos oito frames possíveis de se registrar em apenas um segundo, este anúncio da Pentax K20D aproveitou-se de uma cena clássica do cinema: o Clark Kent entrando na cabine telefônica e transformando-se no Superman. A idéia seria ainda mais original se fosse trabalhada com o The Flash, mas ainda assim a sacada foi boa.
.
O detalhe da moto estática ao fundo é um ítem importante de se perceber.
.
Agência: TBWA\Hunt\Lascaris
País: África do Sul
.
>> CLique na imagem para ampliá-la.

domingo, 30 de março de 2008

Novo logo da Globo

Links para esta postagem
Muitos estão comentando sobre o novo logotipo da Globo, e para não ficarmos de fora da roda, aí está o suposto resultado de mais um trabalho de modernização desse mito da comunicação mundial.

De cara nota-se que se trata de mudanças muito pequenas, mas o trabalho de degra-dê e sombras estão bem mais realistas. Também me chamou a atenção o retângulo central, que ficou mais achatado (talvez uma referência a era das tv´s widscreen).
.
Só não sei afirmar ainda a partir de que data o novo logotipo entra no ar, até porque foi mais difícil que o normal encontrar fontes confiáveis sobre a novidade - ainda vejo isso como uma grande desvantagem dos blogs sobre as mídias mais tradicionais. Tem blogs por aí dizendo que essa versão não passa de um fake, outros falam de se tratar da obra de algum Hans Donner cover ou ainda algum desocupado em busca de atenção.
.
A questão é que o site da emissora e a programação na TV continua com a versão antiga. Vamos aguardar e ver o que acontece.

.
E corrigindo o que escrevi aqui ontem, não trata-se de um fake, as informações eram verdadeiras e o novo logo já está no ar. A apresentação ao grande público foi ontem a noite (30.03.08) no Fantástico. Segue o vídeo com a matéria na íntegra:

sexta-feira, 28 de março de 2008

TV é isso

Links para esta postagem
Eu ainda não tinha visto esse comercial da Sky, até porque, se tivesse visto, teria postado imediatamente aqui no blog. Achei a idéia muito interessante, original e principalmente, objetiva. Mas antes de assistirmos ao filme criado pela Giovanni+draftfcb, vamos aos pontos.
.
A Sky tem uma grande vantagem sobre seus concorrentes, que é a grade de programação na própria tela - ao contrário da TV a cabo que divulga o horário dos seus programas num guia de programação impresso. Daí, o comercial aproveita-se disso falando de responsabilidade social num tom muitíssimo sutil. “Você não acha um absurdo derrubar uma árvore só pra saber o que vai passar na TV?” O que a propaganda quis dizer com isso? Bem, de uma forma bem disfarçada, ela escancara no seu incurso: "Ok, ok, nós sabemos que televisão é um mero passa-tempo que deixa as pessoas mais burras e acomodadas, então o mínimo que podemos fazer é não prejudicar ainda mais o meio ambiente só para ficarmos ainda mais acomodados."
.
Tudo bem que é um baita utopia, podemos até citar a palavra demagogia sem medo de errar. Afinal de contas, se formos pensar por esse ponto de vista, não deveríamos comprar livros, jornais, usar talão de cheques, manual de instruções e muito menos dinheiro, tudo é feito de papel que é feito de árvores verdinhas e cheias de vida. Mas não dá pra condenar a idéia por isso, pelo menos eles foram autênticos e até certo ponto, irônicos.
.
Outra coisa que observei, o roteiro é muito, mas muito parecido com o início do filme “O Senhor das Armas”, com Nicolas Cage no papel de um traficante internacional de armas. No início do filme, as cenas mostram todo o processo que uma bala atravessa até terminar no meio da testa de um garoto africano.

>>Ah sim, a árvore que aparece no filme foi extraída de uma fazenda no interior de São Paulo que pertence a uma área de reflorestamento. Ela só foi removida para um lugar com mais luminosidade para que as filmagens fossem melhor captadas.

terça-feira, 25 de março de 2008

Quase nada se cria | 40

Links para esta postagem
Na super série de sucesso de hoje, o "Nada se cria", são anúncios bem distintos, e por isso não creio que aconteceu alguma má intenção. São apenas idéias parecidas e ponto final.
.
Normalmente não incluo mais de uma peça da campanha, mas hoje vou abrir uma exceção - não tinha como deixar de fora esses impressos das Fitas Tesa.
.
>>Clique na imagem para ampliar.




Tesa
Agência: HEADS
País: Brasil




Anistia internacional
Agência: SAATCHI & SAATCHI POLAND
País: Polônia


Abuso sexual
Agência: D/ARAUJO
País: Brasil

segunda-feira, 24 de março de 2008

Minimize o sol

Links para esta postagem
Mais um impresso na pauta, e dessa vez a idéia é de tirar o chapéu - sem qualquer intenção de criar um trocadilho. Não achei a direção de arte grande coisa (sem ofenças ao Daniel Backman e Johnny Electro), mas analisando como mero "pitaqueiro", diria que é uma grande idéia que não chegou exatamente ao seu ápice. Ainda assim, é um belíssimo anúncio de protetor solar.
A agência que assina é a sueca Grey Stockholm.

domingo, 23 de março de 2008

Liberdade de imprensa

Links para esta postagem
Mais uma bela peça da Leo Burnett Alemanha que agrada pela originalidade. No texto lê-se: "Support us in the fight for press freedom." - Ajude-nos na luta pela liberdade de imprensa.
.
O anúncio foi veiculado na Europa, mas como todos sabem, liberdade de imprensa é um bem da sociedade antes mesmo de ser um direito de profissionais e de empresas ligadas a essa atividade e por sua própria natureza. Para isso, exige-se constante mobilização, vigilância permanente e firme posicionamento diante de fatos que representam ameaça ou que efetivamente a atinjam.
.
No nosso país, a defesa da liberdade de imprensa certamente contribui para o fortalecimento de suas instituições democráticas. Esse é um trabalho incessante em favor da sociedade, sobretudo, que por ter direito constitucional à informação deve defender a imprensa livre e combater a impunidade dos crimes praticados contra profissionais e veículos de comunicação no Brasil.
.

quarta-feira, 19 de março de 2008

Nada se cria | 39

Links para esta postagem
No "Nada se cria" de hoje, uma onda de anúncios parecidos nos faz pensar: Como todo mundo pensou nisso antes? Então, vamos aos fatos.

Trip Surf
Agência: SAATCHI & SAATCHI
País: França


Surf.CO.NZ
Agência: COLENSO BBDO
País: Nova Zelândia

Hard Core Magazine
Agência: PROPAGANDA
País: Brasil

Sumbawa
Agência: FISCHER AMERICA
País: Equador

segunda-feira, 17 de março de 2008

Mais polêmico do que criativo | 10

Links para esta postagem
O jogo Grand Theft Auto IV, um dos mais esperados do ano nos Estados Unidos, já chega causando polêmica (pelo menos com os mais conservadores). Trata-se de um painel pintado a mão para divulgar o seu lançamento, e a garota-propaganda do jogo, como o perdão do trocadilho, é uma garota de propagama (o nome dela é Lola). E pra priorar tudo, ela está chupando um pirulito.

Todo mundo sabe que uma boa parcela da população norte-americana é composta por conservadores e pessoas dispostas a causar confusão por qualquer bobagem. Dessa forma, um anúncio como esse tem tudo para dar bastante pano para manga por lá - agora imagine se isso acontece por aqui, mas precisamente em São Paulo - o Kassab iria surtar.

Para quem não conhece, a série Grand Theft Auto é uma campeã de vendas e de downloads na internet. Acesse o site oficial do jogo e, logo abaixo, assista ao trailer da quarta versão de GTA.


domingo, 16 de março de 2008

Um pouco mais selvagem

Links para esta postagem
E para dar continuidade ao mês em que o tema "propaganda de automóveis" está em evidência, aí vai mais uma boa sacada para anunciar um modelo off-road da Volkswagem. O mais curioso é que a exatas duas semanas, publiquei aqui a campanha do Ketchup Heinz, que usou personagens de desenho animado com um apelo muito parecido com o de hoje.
.
Com a assinatura "Just a bit wilder” - (Um pouco mais selvagem), a campanha apresenta personagens de desenhos animados de sucesso dos anos 80, como o Popeye, Snoop e Garfield. Nos anúncios, eles ganham aspectos mais selvagens - exatamente o que foi feito com a versão fora-de-estrada do Polo. No geral, ficou criativo, original e pricipalmente nostálgico ao público-alvo do modelo.
.
>>Quem assina as peças é a agência DDB, de Berlim.






Fontes: Cérebro Criativo e Ninguém tem paciência comigo

sexta-feira, 14 de março de 2008

Solução anti-rugas

Links para esta postagem

O post de hoje é rapidinho, só pra publicar esse anúncio que chamou minha atenção pela simplicididade. O produto é uma loção anti-rugas com um conceito incrivelmente simples e uma sacada criativa absurdamente inspiradora.
.
Quem criou essa belezinha de anúncio foi a agência McCann Erickson, de Mumbai, India. Na assinatura lê-se: "Nilofer´s Anti-Wrinkle Solutions" - Solução Anti-Rugas.
.
>>Clique na imagem para ampliá-la.

quinta-feira, 13 de março de 2008

Vôos diários para NY

Links para esta postagem
Parece brincadeira, quase inacreditável, mas o anúncio aí do lado foi veiculado de verdade. Trata-se de um impresso de uma companhia aérea paquistanesa que começara a fazer vôos de Paris a Nova Iorque nos anos 70. Obviamente, hoje, sete anos após os atentados terroristas às torres gêmeas, tal idéia seria digna de enforcamento em praça pública do seu autor.
.
Alguns podem até dizer que é apenas interessante pelo fato das duas torres terem um forte simbolismo no Oeste Asiático. Não a toa, foi escolhido como alvo do terrorismo. E se algum dia fizerem algo parecido com a Torre Eiffel, vai chover panfletos, propagandas antigas, etc.
.
Agora veja o segundo anúncio e me diga se tais coincidências não beiram o inexplicável? É um anúncio do próprio WTC de 1984. No título lê-se: "The closest some of us will ever get to heaven." - O mais perto que alguns de nós vamos chegar do paraiso.



.


>> No site http://www.2spare.com/ existem outros anúncios da mesma época.

terça-feira, 11 de março de 2008

Nada se cria | 38

Links para esta postagem
O Nada se cria de hoje está fantástico. Separei quatro anunciantes diferentes com anúncios muito, mas muito parecidos. E como estou fazendo nos últimos posts dessa categoria, não vou comentar nada, apenas por as cartas na mesa, daí você tira suas conclusões se são chupadas, ou não passam de meras coincidências.


NIKON
Nikon SB-800 Flashlight
Agência: Ad Planet Group
País: Singapura


FORD
Ford Ranger XLT
Agência: Ogilvy Brussels
País: Bélgica


OSRAM
Agência: Ogilvy & Mather Frankfurt
País: Alemanha


PEUGEOT
Peugeot 607

segunda-feira, 10 de março de 2008

O mundo vai acordar diferente

Links para esta postagem

Parece que virou moda aqui nesse blog falar de campanhas de automóveis, mas não consigo negar que são duas grandes paixões que tenho: os carros e a propaganda. Sendo assim, não poderia deixar de falar sobre o lançamento, talvez mais aguardado de 2008: o novo Corolla. Quem não gosta de carros, vale pensar na estratégia de comunicação da marca japonesa, mas quem gosta de carros e propaganda, vale pelo tesão da coisa.

Que fique claro que ainda estamos apenas no teaser. Mas pelo que vi, imagino que a campanha do novo sedan vai superar aquela gargalhada inesquecível do Brad Pitt ao dirigir o Corolla (veja aqui). E não tem como imaginar algo abaixo disso, já que o New Civic, seu principal concorrente veio com tudo, é uma unanimidade raramente vista nesse mercado. E tem ainda o Ford Fusion e Vectra que há um bom tempo ganharam a preferência de muitos simpatizantes do Corolla.

Ainda hoje pensei a respeito desse assunto enquanto almoçava. Qual é o papel da propaganda nesse caso? O Corolla é simplesmente o carro mais vendido no mundo – em toda a história. No Brasil, nem preciso falar sobre o que ele representa, é quase um mito. Daí toda essa hegemonia é testada com um Civic que veio muito a frente do seu tempo. Quando um case desse cai na mesa da agência, o desafio é fenomenal.

Outro ponto. O produto tem a obrigação de se superar, uma fórmula que deu muito certo precisa ser novamente colocada a prova, até onde a propaganda fará alguma diferença? Se o modelo não agradar, não tem teaser, vt de um, dois ou 20 minutos, test-drive ou merchandising que fará a inevitável comparação com o Civic colocar o lançamento no hall do esquecimento.

Eu sei que não é muito legal dizer isso, mas nesse caso específico, eu vejo qualquer esforço de comunicação como um mero coadjuvante.

É possível assistir ao teaser da campanha de lançamento do novo Corolla no site: http://www.novocorolla.com.br/
.
Na sequência, coloquei os filmes com os comerciais de lançamento de alguns concorrentes do Corolla.

Ford Fusion


Chevrolet Vectra

domingo, 9 de março de 2008

Quer vender?

Links para esta postagem
NeogramaBBH lançou recentemente essa bela campanha do Sandero - novo compacto da Renault. Eu separei esse case por um motivo apenas: a campanha está redonda (sem qualquer menção a Skol). Mas de fato me chamou a atenção pela simplicidade e a forma direta em falar dos benefícios emocionais do carro.
.
O conceito é forte e bem trabalhado e a comunicação vem com um apelo diferente. É um carro com design tão atraente que desperta em quem o vê vontade de largar o próprio veículo na rua e correr atrás para falar com o proprietário. Vale ainda lebrar que esse é primeiro modelo mundial da Renault produzido fora do continente europeu. Também gostei da assinatura: “Sandero. O Renault que você não esperava”.
.
Tudo isso, aliado a uma direção de arte caprichada, textos bem amarrados e um produto que por si já se vende, não tinha como sair uma campanha ruim. Coloquei algumas peças na sequência, incluindo o filme "perseguição".
.
Fonte: PublicidAd
.


quarta-feira, 5 de março de 2008

A fábrica da felicidade

Links para esta postagem
Antes de iniciar com o tema de hoje, quero transmitir uma opinião que formei há algum tempo. Muito se fala sobre blog, sua influência, quem lê, quem posta, quem gosta, quem odeia. Pois bem, acho que nem preciso falar que ja existe blog pra tudo na rede, desde física quântica até o que o gato da Mary comeu no almoço. Obviamente nosso ramo de atividade não poderia ficar fora disso, afinal de contas, nosso pequeno sanatório existe devido às facilidades que a internet permite aos que gostam de escrever diariamente sobre seu assunto preferido.

Porém, como quase tudo na vida, os blogs evoluíram, hoje são mais que diários on-line que não vão além de um mero passa-tempo. Tem muito blogueiro por aí que paga a faculdade, o IPVA do carro e ainda leva a namorada ao cinema com o que arrecada com seu “singelo” veículo digital. É um avanço que prova uma mudança drástica no perfil dos internautas brasileiros – que definitivamente deixaram de ser meros consumidores para virarem produtores de informação.

Usei os dois últimos parágrafos para concatenar nossos pensamentos, não tem problema se há uma discordância aqui ou outra alí, o importante é o que vem a seguir. Não sei se já ocorreu com você, mas nos últimos tempos venho percebendo uma estranha comparação dos blogs com mídias tradicionais, como jornais especializados, portais de propagandas, televisão, etc. E é aqui que queria chegar, no ponto G da coisa. Blog é blog, não é portal. Os blogspots da vida têm seu conceito, que por sinal são perfeitamente digeridos pelas pessoas que vivem freneticamente em busca de uma informação/opinião rápida, fresquinha, e de preferência enquanto um arquivo vai sendo copiado ou o avião não pousa.

Não tem como um blog (de propaganda é claro) abordar tudo o que está acontecendo, isso demanda pesquisa, tempo e consequêntemente dinheiro – muito maior do que se possa valer a pena. Além de não ter o mesmo tesão que um blog proporciona. No nosso caso (me incluo como mais um blogueiro), a proposta é pincelar um assunto que chame a atenção por algum motivo e mandar ver nos pitacos.

Agora vamos ao assunto principal dessa quinta: e novamente a bola da vez é a Coca-Cola e sua impressionante campanha “Viva o lado Coca-Cola da vida”. Sendo mais preciso ainda, é o filme que está realmente dando o que falar: a Fábrica da Felicidade.

Estava eu em casa com o controle remoto na mão assistindo Tela Quente, quando escancara-se a minha frente um comercial com três minutos e meio da Coca-Cola. Você tem noção do que acontece em três minutos e meio? Você já tentou ficar embaixo d´água durante esse período? Agora imagine o valor que uma inserção dessa custa ao anunciante, sem contar a produção impecável. Mas nem vamos falar em números, o vídeo não permite pensar com toda essa frieza.



Com o objetivo emocional de inspirar as pessoas a viver com mais otimismo, o filme foi produzido pela Wieden + Kennedy/Amsterdam e participação de mais de 50 especialistas em animação 3D da agência Psyop. A “Fábrica da Felicidade – O Filme” passa uma mensagem incrivelmente otimista, partindo da superação dos personagens mágicos que habitam as vending machines de Coca-Cola para entregar o refrigerante às pessoas. A luz vermelha que se acende, indicando que não há mais Coca-Cola, dá início a uma saga fantástica em busca do refrigerante, em um mundo cheio de desafios e adversidades. Na versão brasileira, o VJ da MTV, Cazé Peçanha participa na locução, emprestando sua voz ao Zelador que protagoniza o filme.

Fonte: Portal da Propaganda

domingo, 2 de março de 2008

Ketchup Heinz

Links para esta postagem
Sempre que posso postar algum anúncio com personagens de desenhos animados, eu literalmente ganho o dia. Penso que as sacadas criativas que envolvem essas “almas” do entretenimento devem sempre ser exploradas dentro da publicidade - que volta e meia tendem a se padronizar com idéias quadradinhas.

O anunciante em questão é o tradicionalíssimo ketchup Heinz, que por sinal, sempre dá as caras por aqui. E como tenho certeza que não sou o único fã dessas campanhas, não poderia deixar mais esse belo trabalho passar em branco em nossa galeria. Nos anúncio, o título diz: “You can´t eat without it” (Você não pode comer sem ele), e quem assina é a agência Leo Burnett do Egito.





Fonte: Aletp